Solvay na direcção da APQuímica

A Solvay Portugal, representada pelo seu Administrador-Delegado, Luís Saldanha da Gama, integra a direcção da APQuímica ‒ Associação Portuguesa da Química, Petroquímica e Refinação, cujos corpos sociais foram eleitos em assembleia geral realizada no dia 5 de Julho.

  Logo APQuimica Click to enlarge

A APQuímica resulta da fusão por incorporação da AIPQR (Associação das Indústrias da Petroquímica, Química e Refinação) na APEQ (Associação Portuguesa das Empresas Químicas) e passa a concentrar numa só entidade sectorial, mais abrangente e melhor posicionada em termos de competitividade, cooperação, inovação e sustentabilidade, a representatividade das indústrias química, petroquímica e da refinação em Portugal.

“A existência de duas associações procurando, cada qual, agregar as empresas do sector Químico ‒ em que as maiores participavam simultaneamente ‒ e perseguindo objectivos por vezes relacionados entre si levou-nos a pensar nas vantagens de uma fusão”, esclarece Luís Saldanha da Gama, que já representava a Solvay no órgão executivo da APEQ.

“Foi um projecto moroso e bastante complexo, mas que foi conduzido de forma muito profissional e num clima de diálogo construtivo entre os líderes de ambas as associações, que há pouco concretizaram a fusão”, acrescenta Saldanha da Gama.

As vantagens são claras, no dizer do Administrador-Delegado da Solvay Portugal, e vão muito para além dos ganhos evidentes de escala e eficiência.“Por um lado, conseguiremos alinhar melhor o Sector com a estratégia definida para o Cluster de Competitividade da Petroquímica, da Química Industrial e da Refinação. Por outro, alargando as cadeias de valor, seremos mais representativos, mais ambiciosos nas iniciativas e construiremos redes de colaboração mais abrangentes. Além de que teremos, para futuro, um posicionamento mais efectivo na relação com os poderes públicos e com as demais partes interessadas”.

A direcção da APQuímica é liderada pela Bondalti Chemicals, tendo a Hovione FarmaCiência como vice-presidente; a mesa da assembleia geral e o conselho fiscal são presididos, respectivamente, pela Innovnano e pela Eco-Oil.