Solvay oferece desinfectantes para protecção da comunidade

Contra o novo coronavírus, gel desinfectante e solução descontaminante para protecção dos técnicos e utentes de instituições de utilidade pública da Póvoa de Santa Iria e Forte da Casa foram ontem entregues pela Solvay e pelo seu parceiro Biosog. O gesto solidário foi formalizado por ambas as empresas à Junta de Freguesia da Póvoa de Santa Iria e Forte da Casa.

Solvay factory working with masksClick to enlarge
A doação, por iniciativa da direcção e colaboradores da fábrica Solvay, contando com o valioso contributo da Biosog, traduziu-se na oferta de 500 embalagens (de 1 litro) de gel desinfectante para as mãos e de 1000 embalagens (de 750 ml) de líquido descontaminante de superfícies, este último produzido a partir do peróxido de hidrogénio fabricado pela Solvay.

O peróxido de hidrogénio (mais conhecido por água oxigenada) produzido pela Solvay em graus de alta concentração, na unidade da Póvoa – única instalação existente no País –, tem aplicação industrial, sendo por isso menos utilizado em soluções desinfectantes de aplicação humana. Trata-se, porém, de um poderoso biocida, pelo que pode ser usado a baixa concentração na higiene e eficaz descontaminação de pavimentos e superfícies em geral.

Com esta doação à Junta de Freguesia da Póvoa, coerente com a nossa constante preocupação humanitária e as nossas práticas solidárias, a Solvay disponibiliza mais armas para a luta comunitária contra o vírus”, afirma Luís Saldanha da Gama, Administrador-Delegado da Solvay Portugal.

Esta e outras iniciativas de cidadania em curso – acrescenta o mesmo dirigente – são possíveis graças, também, à cooperação do nosso parceiro Biosog, instalado no Solvay Business Park, cuja colaboração e generosidade são louváveis no esforço conjunto de combate à crise sanitária que o País atravessa.

Segundo o Presidente da Junta de Freguesia, Jorge Ribeiro, os desinfectantes doados pela Solvay Portugal e pela Biosog serão agora distribuídos, além da própria Junta, por várias entidades de utilidade pública, a saber: Bombeiros Voluntários da Póvoa, PSP, Associação de Reformados e Idosos da Póvoa de Santa Iria (ARIPSI), Instituto de Apoio à Comunidade de Forte da Casa (IAC), Cercipóvoa e Associação Popular de Apoio à Criança (APAC). 

Confiança na retoma económica

Desde o início do surto epidémico da Covid-19 em Portugal, a Solvay tem seguido com atenção as orientações emanadas da Direcção-Geral da Saúde e, com forte apoio na área da Segurança e Saúde no Trabalho, incluindo a sua vertente de Medicina do Trabalho, activou o seu Plano de Contingência aplicando medidas obrigatórias de protecção e modelos alternativos de organização do trabalho (rotação de equipas ao serviço, regime de teletrabalho, confinamento preventivo em casa e suspensão de actividades não prioritárias) visando a continuidade da produção e a manutenção do emprego.

Neste quadro, a Solvay dispensou aos seus colaboradores os equipamentos de protecção individual (máscaras, viseiras, luvas descartáveis, soluções de base alcoólica) necessários ao trabalho em segurança e procedeu à distribuição de gel desinfectante para as mãos e solução descontaminante de superfícies para uso doméstico e segurança familiar.

Por todo o mundo, as unidades industriais dos diferentes negócios da Solvay têm dado, nestes tempos difíceis, inúmeros exemplos de solidariedade e apoio às comunidades em que se inserem, através de doações em produto e de outros contributos para o esforço global de combate à pandemia.

A Solvay Portugal manifesta a plena confiança de que, com serenidade e sentido cívico, e com a observação rigorosa de medidas de protecção e contenção, como as que tem aplicado na Empresa, será possível não só a retoma económica como atingir em breve um “Covid-Zero”.